Biden abre mercado americano para profissionais estrangeiros, mas dificuldades de vistos de trabalho



Biden abre mercado americano para profissionais estrangeiros, mas dificuldades de vistos de trabalho permanecem para os brasileiros


Cumprindo uma de suas promessas de campanha, o presidente americano Joe Biden assinou no último dia 24 de fevereiro uma Ordem Executiva anulando a Proclamação 10014, de fevereiro de 2020, que leva a assinatura do ex-presidente Donald Trump, a qual restringia a entrada de profissionais estrangeiros, mesmo que possuíssem visto, para trabalhar nos Estados Unidos.


O governo Trump, que à época defendia com muito alarde o discurso “Buy American, Hire American”, em defesa do mercado para pessoas nascidas nos EUA, justificou a Proclamação 10014 como uma medida de ordem sanitária, em função da eclosão da crise da Covid-19. Na prática, a medida interrompeu, de forma radical, o ingresso de profissionais estrangeiros com visto de trabalho no mercado americano.


Revogada agora, a Proclamação 10014 permaneceu por um ano em vigor. As consequências foram inúmeras. Com relação aos vistos de trabalho, elas foram drásticas. Muitos profissionais que já possuíam o visto de trabalho e que se preparavam para se mudar para os EUA tiveram de adiar seus planos e viram seus vistos expirarem, sem uso. Outra consequência: a interrupção dos serviços de atendimento aos solicitantes de vistos e, consequentemente a emissão de novos vistos, pois os a grande maioria consulados americanos ao redor do mundo foram fechados pelas mesmas razões sanitárias.


As boas intenções de Biden, por enquanto, não servem de alento para os profissionais brasileiros que pretendem se mudar para trabalhar nos Estados Unidos. Por conta da evolução da Covid-19 no Brasil, os consulados americanos no país continuam fechados (embora estejam abrindo ou estão abertos na Argentina e no Chile, por exemplo). Mas a nova política americana é, no fundo, uma boa notícia.

Ao comentar sua decisão, o presidente Biden argumentou que o “DNA” americano é o de um povo formado por imigrantes e que a convivência e o trabalho conjunto de pessoas de várias raízes culturais e profissionais é benéfica. E, de fato, os EUA têm uma longa história de facilitar a entrada de profissionais qualificados e excelentes em suas especialidades.


Dentro das leis de imigração americanas, por exemplo, existem alguns tipos de visto de trabalho para profissionais certo que, em alguns casos, profissionais qualificados podem solicitar um visto mesmo sem um patrocinador do visto, ou seja, um empregador. E assim, dentro da história dos Estados Unidos, a imigração continua sendo um foco de atenção e vivendo momentos nunca antes vivido, mas certamente o mercado americano continua em busca de talentos.


Mais informações sobre a recente Ordem Executiva de Joe Biden para a entrada de profissionais nos EUA podem ser acessadas aqui: A Proclamation on Revoking Proclamation 10014 | The White House

26 visualizações0 comentário