top of page

Novas Fronteiras para Artistas


Quem nunca teve o sonho em ser um artista de Hollywood? De apresentar-se na Broadway? Segundo dados do Governo Americano há uma previsão de aumento de 2% na demanda por profissionais na área de arte e design na próxima década, com um aumento de 20.500 novos empregos. O salário médio desse grupo em solo americano é cerca de US$ 48,220 anualmente, dependendo de sua área específica de atuação.


Para garantir essa oportunidade, há categorias de visto para esses trabalhadores do meio artístico, principalmente aos profissionais de excelência do mercado das artes. Para aqueles que desejam apenas adentrar no país por um curto período para alguma atividade cultural específica sob um programa não excedendo 1 ano, a solução mais propícia seria o visto P-3, mas para trabalhar de fato na sua área, uma alternativa seria a solicitação do visto

O-1.


O visto O-1 se assemelha aos vistos EBs, e abrange profissionais de excelência e renome no meio das artes. Para qualificar-se para um visto O-1, o aplicante deve demonstrar ser um profissional excepcional com reconhecimento internacional na área, ou um histórico de realizações extraordinárias na indústria cinematográfica e televisiva, e deve ir temporariamente aos Estados Unidos para continuar trabalhando na área de capacidade extraordinária. É necessário um alto nível de realização no campo das artes, com um grau de habilidade acima do normal em relação a outros profissionais.


O visto O-1, se aprovado, garante a estadia do solicitante por até 3 anos continuando sua profissão nos Estados Unidos. Além disso ele pode ser renovado e garante também a permissão de estadia para a família (cônjuges e filhos).

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page